Judeus voltam para Israel em número recorde - Aumento na imigração seria cumprimento de profecia

Por César Costa da Silva - 13 de maio de 2014 Nenhum comentário
Panfletos que mandavam os judeus do leste da Ucrânia se registrarem, pagar um imposto exclusivo e deixar a região começaram a ser distribuídos no último mês. A lembrança do que aconteceu na ascensão do nazismo logo aterrorizou a população judaica.

Sobretudo em Donetsk, região que está no centro do conflito entre o governo ucraniano e os separatistas pró-Rússia. Um plebiscito indica que a área será anexada por Moscou, seguindo o exemplo da Crimeia. Ali, homens mascarados foram para as saídas das sinagogas pedir a expulsão dos judeus. Sinagogas foram incendiadas e pichações antissemitas se espalham pelo país.

Parte dos 15 mil judeus de Donetsk já fala em sair da região caso a Rússia assuma o controle. O caminho natural é mudar para outras regiões da Ucrânia, mas há quem defenda que todos devem voltar para Israel. Segundo o jornal Yedioth Ahronoth, cerca de 70% dos judeus do país já contataram a embaixada israelense sobre pedidos de visto e condições para imigrar para o Estado judeu.

O rabino Pinkhas Vyshedsky, afirma: “a impressão é que alguém está tratando de arrastar (os judeus) para um jogo político entre a Rússia e Ucrânia”. Ele conta que pediu às forças de segurança da Ucrânia proteção especial à comunidade. Contudo, até agora não houve resposta. Desde o início de 2014, a imigração oficial de judeus ucranianos para Israel cresceu 140%.

Ao mesmo tempo, a França é o país de onde mais judeus decidiram voltar para Israel. O crescimento foi de 400%, sem que exista um motivo especial. A maioria alega o “crescente antissemitismo”. As autoridades acreditam que, se o ritmo continuar assim, será o maior fluxo de judeus franceses voltando para sua pátria-mãe desde o ressurgimento de Israel, em 1948.

Para os especialistas em profecias, este é um dos vários indícios que Deus pode estar reunindo novamente seu povo na Terra Prometida como sinal do final dos tempos. Seria o cumprimento da profecia bíblica de Isaías 43:5-7, que afirma: “Não tenha medo, pois eu estou com você, do oriente trarei seus filhos e do ocidente ajuntarei você. Direi ao norte ‘Entregue-os!’ e ao sul ‘Não os retenha’. De longe tragam os meus filhos, e dos confins da terra as minhas filhas; todo o que é chamado pelo meu nome, a quem criei para a minha glória, a quem formei e fiz”.

Fonte: Gospel Prime
Com informações Yahoo, The Blaze e BBC

Livres DT, o seu canal de notícias do Diante do Trono e do Mundo Cristão.

Livres DT - Por César Costa
(livresdt@yahoo.com.br)

Nenhum comentário para " Judeus voltam para Israel em número recorde - Aumento na imigração seria cumprimento de profecia "